Green Economy: entenda por que esse é o futuro do capitalismo

Economia verde

No Fórum Econômico Mundial, que acontece em Davos, na Suíça, um dos pontos mais discutidos, surpreendentemente, tem envolvido as mudanças climáticas, as declarações da ativista Greta Thunberg e o fim do uso e exploração dos combustíveis fósseis. Em função dessas discussões, China e boa parte dos países da União Europeia, têm falado muito no que chamamos de “Green Economy” ou “capitalismo verde”. Com as discussões em Davos, o mercado financeiro e as bolsas de valores serão muito impactados nos próximos tempos.

Para entender

Hoje, o plástico está em praticamente tudo. Mas você lembra quando aconteceu a entrada do plástico no seu dia a dia? E quando o mundo começou a discutir o fim do uso dos canudinhos e copos plásticos? Difícil precisar as datas, né?

O mesmo deve acontecer com a Green Economy. Em pouco tempo pessoas do mundo inteiro passarão a questionar a origem dos produtos que consomem. A empresa polui? Há plástico sendo vendido e consumido? A empresa responsável pelo produto tem ações voltadas à proteção do meio ambiente? Sua linha de produção utiliza combustíveis fósseis ou usa energia limpa? Eles respeitam os direitos humanos?

Toda mudança gera turbulência. Não será diferente com a Green Economy. Mas uma coisa é certa: o futuro do capitalismo, das sociedades e das gerações vindouras está diretamente à economia verde (apesar de governos lobby da indústria fóssil e outras mais).

Você pode começar desde já!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: